Efeito Visual – Mensagem Subliminar e suas Influencias

“Por isto não subestime o valor da imagem, nem auto estime sua capacidade de escolha, porque muitas de suas decisões certamente foram ingenuamente influenciadas por um efeito visual.”

 

efeito visual

Por mais que achamos superficial e até arriscado basear qualquer atitude numa primeira visão, ou apenas numa imagem, não devemos subestimar a influencia do efeito visual na nossa vida.

No dia a dia nem nos damos conta da força que uma imagem exerce sobre nós, mas basta nos determos em alguns detalhes para percebermos isto.

Imagine você chegar em casa cansado, sonhando com um café fresquinho. Joga-se no sofá, a televisão ligada, mas sem som. Sua cabeça está em outro lugar.

Numa propaganda, uma xícara te atrai, ela está ali pronta para ser segurada, dela sai uma fumaça que te remete ao cafezito dos seus sonhos. O resto fica por sua conta, o aroma, o sabor, o prazer desta experiência que lembra família, aconchego e muito mais.
Ei, mas a televisão estava sem som.

Sim, a imagem é sugestiva, e quando a vemos junto com o som nem percebemos que estamos sendo quase que hipnotizados com a mensagem que ela foi programada para passar. Lógico, nada ali é por acaso.

E no supermercado a embalagem daquele café também vai te atrair. Você nem se deu conta, mas a viu e gravou, e provavelmente o levará para casa porque ele te remete aos valores e sensações que você deseja para sua vida.
E pior é uma mensagem subliminar que chegou a você pelo subconsciente e você nem se deu conta. É mais ou menos assim: adoro este produto e não sei por quê?

É comum ouvirmos pessoas defendendo acirradamente mensagem de grandes marcas, de canais de televisão, imputando-lhe valores que eles definitivamente não assumiram. Ou ainda tendo comportamento que juram ser consequência de uma longa reflexão, e o que no fundo ela está fazendo é agir como um fantoche, repetindo exatamente o conteúdo que esperavam que ela assimilasse.

Uma atitude que talvez possa nos ajudar a resistir a este processo mecânico, é conhecer melhor as empresas ligadas ao produto que consumimos. Saber as práticas empresariais, a relação com o meio ambiente …

E se perguntar sempre, porque gosto deste e não daquele produto. E refletir: o fabricante de um produto totalmente nocivo à saúde, pode ser tão comprometido com a vida assim?

Desta forma você terá que buscar um motivo mais real e verdadeiro para optar por ele, pelo menos você não estará comprando veneno com a ilusão de que está cuidando da própria saúde.

Por isto não subestime o valor da imagem, nem auto estime sua capacidade de escolha, porque muitas de suas decisões certamente foram ingenuamente influenciadas por um efeito visual.

E você, já pensou como se faz sua tomada de decisão como consumidor? Vamos conversar?

Related posts:

Meu nome é Meirilene Reis. Sou leitora desde os dez anos de idade, quando descobri em ” a marca de uma lágrima” livro de Pedro bandeira, de meu mundo acinzentado uma janela para um mundo colorido, vibrante e cheio de possibilidades. E escritora desde que descobri nas estórias uma forma de expressão, de comunicar o que não conseguia fazer de outra forma. E esta experiência estreita com os livros tem me mostrado que não há limites, para a imaginação nem do leitor nem do escritor, e isto me fascina. A literatura é pra mim um ponto, um eixo, onde em algum momento os mundos das pessoas se encontram, porque ali, tanto na leitura, quanto na escrita, nos despimos de preconceitos, e nos permitimos vivenciar a vida do personagem, que de alguma forma se encontra com a nossa.

Eu adoraria saber sua opinião.